Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Ardinas

por Nuno Saraiva, em 06.01.08
Como a Lucyta alertou, afinal ainda existem ardinas. Não são ardinas como eu os concebia - crianças de calções, ou adultos em idade de reforma de jornais no saco, mas sim os donos de quiosques ou empregados destes.

Estes têm uma associação, dita cultural (AAL) e até são contra os jornais gratuitos (aqui ou aqui). E têm, na minha opinião, razão.

Os quiosques, bem como qualquer estabelecimento que queira ocupar espaço público (esplanada, cartazes, etc.) pagam aluguer de espaço à Câmara Municipal.

Os jornais gratuitos, porque se trata de uma oferta, não são obrigados a pagar o espaço. Porém isto não é totalmente correcto. Apesar do jornal não ser entregue a troco de dinheiro, ele é pago pela inevitabilidade do leitor passar os olhos pela publicidade. Publicidade que os anunciantes pagam. Por isso, acho que tal como as acções publicitárias de distribuição de amostras, também as distribuições de jornais devem ser taxadas.

O outro lado da questão, é se esta taxa inviabilizará algum dos jornais, e os lisboetas voltam a ler menos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:19


1 comentário

De Informe-se : asasnegras.org a 16.01.2008 às 00:21

[...] revoluções vão-se sucedendo. Até se assiste à reaparição dos ardinas que nos distribuem alguns dos já conhecidos jornais gratuitos (destak, globalnotícias, meia-hora, [...]

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2005
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2004
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D