Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Maurice André (RIP)

por Nuno Saraiva, em 26.02.12

 
Morreu um dos melhores trompetistas de sempre: Maurice André. 
Acima tocando do melhor que já se compôs abaixo tocando o que mais emotivo já se compôs para trompete.


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:57


O serviço certo ao cliente

por Nuno Saraiva, em 25.02.12

Este não é um post de reclamação. É comum (e justo) em casos como o da Jonasnuts e da loja de telefones onde nunca comprarei nada, se contar o caso na internet para mostrar a justa indignação.

 

Neste post vou referir três casos em que o contrário aconteceu e por isso fui conquistado.

 

1. Staples/Toshiba

 

Em Novembro de 2010, a lucyta ofereceu-me um disco externo da Toshiba, com 320 GB. Eu utilizava-o essencialmente para fazer backups pessoais de coisas que tenho no portátil e na drive pessoal na rede do ISCAL. Por isso "usava-o" 2/3 vezes por mês.

Tinha uma "quincadela" feita por uma pressão duma chave ao trazê-la na minha bolsa.

 

Em Outubro de 2011 o disco morreu. O USB era reconhecido, mas a drive não era montada no pc. Fui à Staples do Dolce Vita Amadora, e o rapaz disse-me que ia enviar para a Toshiba, mas a mossa era um problema que podia ser a causa.

 

Esperei entre um e dois meses até que fui chamado para me deslocar lá com a guia de reparação. Quando lá cheguei o rapaz disse que o disco não tinha arranjo e foi chamar o gerente da loja.

 

Este disse-me para escolher qualquer coisa até ao mesmo valor para substituição do disco.

 

Esta acção gerou-me tanta confiança que trouxe outro disco toshiba de 500 GB pagando mais 25 Euros e ainda comprei uma agenda que vi pelo caminho.

 

Possivelmente com esta compra nem a Staples nem a Toshiba tiveram prejuízo e eu fiquei satisfeito. (Mesmo que tivessem prejuízo, tinham a minha satisfação).

 

2. Made IN

 

A lucyta comprou no ínicio do ano umas botas na Made IN. São botas que não são baratas (Mais de 100 Euros) e por isso espera-se que sejam boas. Comprou em final de época e por isso usou-as 3 ou 4 vezes.

 

Este Inverno ao voltar a usá-las houve um problema com as botas. Depois de alguma resistência inicial, as botas lá foram à fábrica e vieram arranjadas.

 

No mês passado, precisou comprar umas botas diferentes ou de outra cor. É fácil adivinhar onde as comprou: Na Made IN. Assumindo a reparação, mesmo 8 ou 9 meses depois, a Made In garantiu uma cliente e pelo menos mais uma venda.

 

 

3. Zé da Adega / Adega do Zé - o valor de 1 Euro.

 

Há cerca de três semanas, fomos almoçar à Adega do Zé, em Setúbal. Um dia iamos para ir ao Leo, mas este estava fechado ao Domingo e passamos a gostar do choco deste restaurante.

 

Lá comemos o belo do choco, com um vinho branco de Setúbal que é das melhores ligações do mundo. :)

 

Quando veio a conta, e era eu que ia pagar, esta incluia pão. Um euro. Pagar coisas que não comi é algo que me chateia e não é pelo valor, é pelo princípio.

 

No entanto pensei: A senhora é simpática (o Zé está num e a sua mulher no outro); o vinho da casa foi barato (2 euros, quando em pensava que ia ser 4.5); as sobremesas tinham um preço adequado quando outros costumam roubar (2 euros); uma dose deu para dois (6 euros por pessoa); deixa lá estar o Euro.

 

Quando ia para pagar, veio uma empregada pedir desculpa que a conta estava errada porque tinha pão.

 

Foi um euro, mas saí de lá satisfeito e com a sensação que estava a ajudar alguém em que se pode confiar.

 

 

Aqui ficam três casos em que o serviço ao cliente garantiu satisfação e retorno.

 

E você, até quando vai deitar clientes fora?

 

http://www.staples.pt/

made in 

Adega do Zé

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:21


Duas startups interessantes

por Nuno Saraiva, em 20.02.12

Quando temos conhecimento dum projeto de alguém que pouco mais tem que outros do mesmo género (basta pesquisar no youtube por make up), é porque possivelmente há alguma valia na equipa. Está para sair o Your Perfect Beauty, que pretende ser uma rede social especializada em maquilhagem. Tarefa difícil.

 

Outro projeto em que acredito mais, é o Buyosphere. Acho que este site está muito bem pensado. Basicamente o conceito foi inspirado nos foruns (acontece muito por exemplos nos forum automóveis: Ferrari F40 ou Maserati Grand Turismo, qual devo comprar?; ou nos foruns de informática ipad ou samsung...).

Cada desejo de compra é uma discussão neste post, onde outros utilizadores e os próprios fabricantes, sugerem produtos para satisfazer este desejo. Acredito neste projecto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 18:54


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2009
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2008
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2007
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2006
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2005
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2004
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

subscrever feeds